Quinta-feira, 12 de Fevereiro de 2004

Dor

...sei hoje melhor do que ontem e menos do que hei-de saber amanhã... o que sinto e o que quero. Um caminho difícil e onde me dói, todos os dias, a dor que faço doer...

indeterminado por quim às 13:54

link do post | indetermine | favorito
|
26 comentários:
De inde a 15 de Fevereiro de 2004 às 17:03
Mesmo que fiques sem palavras, dá-mas porque preciso delas para viver; morro sem elas.
De criola a 15 de Fevereiro de 2004 às 15:38
...plagiando um outro fantasma: «dentro das poucas palavras que ainda tenho as únicas que me restam são as que estão contigo»//

Um Beijo
De inde a 15 de Fevereiro de 2004 às 15:25
Envia e envia-me todas as tuas palavras, todas as que já disseste e as que ainda não disseste; todas as que já se inventaram e as que ainda estão para inventar. Faz-me viver, meu amor!
De amora_silvestre a 15 de Fevereiro de 2004 às 14:51
...se, para viver, te bastam as palavras...pedes pouco à vida!...//...por mim te darei todas as palavras q a minha imaginação souber "vomitar"... afinal parece ser esse o meu forte: imaginação e palavras...só! //

Um Beijo
De inde a 15 de Fevereiro de 2004 às 13:47
Muito mais fácil do que se pensa. É só utilizar as palavras e tudo se resolve. Ironia da vida. A vida nunca foi resolvida com palavras... mas, na verdade, aqui, encontro as palavras de que preciso para viver. Ainda bem.
De criola a 15 de Fevereiro de 2004 às 11:52
«...que se beijem as palavras!!!

Estou pecisado delas...» // «Por isso, e por enquanto, eu preciso de palavras.»

...curiosa...a consonância... // mas, palavras é o q não falta por aqui...encontrarás o q precisas, afinal...mais fácil do q pareceria...
De inde a 14 de Fevereiro de 2004 às 11:17
Exprimir o amor e a forma de amar é algo de muito dificil; é por isso que as palavras se tornam necessárias (mas claro que não imprescindiveis)... Essas palavras por muito que custem a "dizer" têm de ser ditas o que não implica (por causa-consequência) que sejam ouvidas ou entendidas. Por outro lado, e quando temos a certeza que somos entendidos, as palavras que foram ditas tornam-se desnecessárias porque outras formas de dizer que se ama, advêm da sua não utilização. Por isso, e por enquanto, eu preciso de palavras. (De resto, claro que te entendo)
De amora_silvestre a 13 de Fevereiro de 2004 às 22:03
« Como exprimes o teu amor por alguém sem elas?[palavras]»

...q pergunta estranha!...como se (eu) precisasse(mos) das palavras para exprimir os (meus) sentimentos... mal de nós, se as palavras fossem o meio mais eficaz para exprimir amor...não meu querido, qd amo exprimo por outras formas...a não ser q mo impeçam!...a não ser q o meu amor seja rejeitado...a não ser q a ausência me obrigue a recorrer às palavras, então!...mas aí não estou a exprimir o meu amor!...estou a exprimir a minha raiva, a minha frustração, às vezes o meu ódio...e é nesse sentido q eu (re)afirmo: que se f**** as palavras!...porque se preciso delas é pq não posso exprimir-me doutra forma...como desejaria!...entendes-me!????
De inde a 13 de Fevereiro de 2004 às 21:14
Esta é a tua segunda f*** nas palavras. Como exprimes o teu amor por alguém sem elas? Mas tens razão, outra vez, é que um surdo-mudo também ama e não precisa de palavras. Para que estamos então aqui a falar de dor se há tanto e tantos com uma dor maior?
De inde a 13 de Fevereiro de 2004 às 21:12
Como é? Apreciar a dor do amor como prova de que estou pronto para amar sem dor? Impossível! Amar é tão somente sofrer. Amar, sendo um acto de dar, é por si mesmo, como dádiva, uma acção de perda e como perda, uma dor; mas este amar é bom, é doce; amar dando-se.

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.últimas indeterminações

. eu

. floresta

. Saudade

. Aniversário

. Amar como o vento

. Gostoso

. Solidão

. Gostos

. Não sou aquário de signo,...

. pormenor

.torres do tombo

. Outubro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

. Novembro 2003

blogs SAPO

.subscrever feeds