Segunda-feira, 8 de Março de 2004

Perdido no vosso meio

Não queria deixar passar este dia (dito Internacional da Mulher) sem o lembrar aqui, neste meu humilde blogue; não queria deixar de lembrar que neste dia se celebra a vossa dita "libertação"; não queria deixar de lembrar a maldita sociedade ancestral que desde sempre (e ainda hoje) vos discrimina; não queria deixar de dizer aqui, o quanto vos admiro e o quanto vos tento entender; não queria deixar de lembrar que não tendes um dia por ano para celebrardes a vossa condição de Mulher: Lembrai-vos que basta o facto de colocardes neste mundo os vossos filhos vos dá o estatuto de Terra-Mãe! Abençoada sejais por isso! Um beijo grande de muito amor por todas vós!
indeterminado por quim às 08:28

link do post | indetermine | favorito
|
17 comentários:
De Carla a 10 de Março de 2004 às 16:22
Estamos em sintonia. ;) Bjs ***Carla (o gestor deste blog informa por mera curiosidade que este comentário da Carla é o comment number 500)
De inde a 10 de Março de 2004 às 14:39
Claro que, infelizmente, tens razão; aliás é o que eu disse aqui à amora silvestre no meu comment das 08.22 de 9-3; e acredita que lamento que assim seja na verdade pois não o deveria ser; acredita também que sei do que estou a falar por razões estritamente pessoais e privadas bem como do foro íntimo; um casal deveria ser uma entidade, e não o é, é e será sempre um "macho" e uma "fêmea" e isso "trai" o espírito da igualdade; não haverá nunca essa igualdade nem (penso) julgo que alguma vez a haja; o "estigma" da costela de Adão será sempre o vosso calcanhar de Aquiles; pessoalmente não gosto de verificar essa "verdade" mas tudo foi, é e será sempre feito na base de que a mulher foi "criada" para fazer "companhia" ao macho; e é isto que está mal e não sei como alterar. Crê que lamento imenso que assim o seja (no meu poema aí em baixo "ser incompleto" eu digo isso exactamente quando olhando o espelho verifico que me falta apenas um abraço; é esse abraço que acredito deveria existir na relação entre o homem e a mulher, como se esse abraço fosse a designação do "par" como entidade e não como casal. A igualdade não existirá nunca mas o conceito de "par" como entidade deveria ser conseguido: aí, reside, sim, a paridade, a igualdade. Um beijo.
De Carla a 10 de Março de 2004 às 14:17
Não era uma critica. Queria apenas que o lesses para te aperceberes que aquilo que expressas é de facto o que sente uma mulher. Apesar de vivermos num mundo moderno em que a emancipação feminina é um dado adquirido, continuamos a sentir na pele o estatuto de ser mulher. Essa diferença nunca nos vai largar. Podemos ser brilhantes profissionalmente, pessoalmente, socialmente, que de certa forma, mais tarde ou mais cedo, vamos sentir que, apesar de tudo, somos consideradas como seres aos quais se entregam as tarefas menores. Aquelas que no nosso dia a dia são entediantes e monótonas.
Bjs *** Carla
De inde a 10 de Março de 2004 às 11:51
Vou ler o teu post, Carla, para ficar a fazer uma ideia do que é ser Mulher nos tempos modernos, porque em face do meu conhecimento geral, eu não sei! Vou ficar mais sabedor. Não entendi o que queres dizer com este teu comentário; mas depois de ler o teu post, é natural que fique a saber mais um pouco, espero. :) *
De inde a 10 de Março de 2004 às 11:49
Nem te vi aranha! :) *
De inde a 10 de Março de 2004 às 11:48
Agreste? Mas não deriva daí o teu nome "silvestre"? O meu sorriso.
De Carla a 10 de Março de 2004 às 11:34
Gostava que lesses o meu post do dia 17 de Janeiro intitulado "Emancipação Feminina, quem é que a inventou?", para ficares com uma ideia do que é ser mulher nos dias "modernos".
De aranha a 9 de Março de 2004 às 23:09
Parece-me que está com as horas trocadas, já passaram 24 horas, aliás 48 horas (quase...)! lol! Passei e já fui... :)
De amora_silvestre a 9 de Março de 2004 às 22:34
...desculpa se fui demasiado agreste no tom...mas o q disse e sinto, mantem-se!
De inde a 9 de Março de 2004 às 15:26
Grato pela tua presença. :) *

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.últimas indeterminações

. eu

. floresta

. Saudade

. Aniversário

. Amar como o vento

. Gostoso

. Solidão

. Gostos

. Não sou aquário de signo,...

. pormenor

.torres do tombo

. Outubro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

. Novembro 2003

blogs SAPO

.subscrever feeds